“O 2º Conselho da CTB ganha uma importância maior neste momento”, afirma Wagner Gomes

A CTB e suas estaduais já estão preparadas para a realização do 2º Conselho Nacional da Central, que ocorre entre os dias 29 de setembro e 1º de outubro, no Novo Hotel Jaraguá, em São Paulo. Mais de 300 delegadas e delegados (eleitos e natos) e convidados participam da atividade.

Eleitos em encontros estaduais, que ao todo mobilizaram milhares de trabalhadores de inúmeras categorias de todo o Brasil, os delegados terão a função de atualizar e oxigenar a política da Central, assim como a programação da agenda de lutas.

De acordo com Wagner Gomes, secretário-geral da CTB, a realização do conselho se faz ainda mais necessário, neste momento, em que o cerco imposto pelo agravamento da crise econômica mundial gera o desemprego, ataques às organizações sindicais, corte de benefícios e retirada de direitos.

“A participação alcançou a expectativa. Cerca de 300 representantes dos estados participarão deste encontro que em razão da atual conjuntura ganha uma importância maior. Primeiro com o agravamento da crise econômica e política que o país atravessa, os membros do Conselho deverão se posicionar sobre o tema. E em segundo, o julgamento da Adi 4067, que solicita a inconstitucionalidade das centrais e o repasse dos 10% do imposto sindical”, adisse o dirigente.

Na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI 4067), o Partido Democratas (DEM) questiona a legitimidade das centrais sindicais e a destinação de 10% dos recursos arrecadados pela contribuição sindical (ou imposto sindical) prevista no artigo 589 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), com a nova redação dada pela Lei 11.648/2008.

“A iniciativa visa engessar o movimento sindical e enfraquecer a organziação dos trabalhadores com a retirada da principal sustentação financeira”, declarou Gomes.

Desenvolvimento com democracia e valorização do trabalho

Norteado por diretrizes propostas no documento “Desenvolvimento com democracia e valorização do trabalho”, o 2º Conselho Nacional da CTB discutirá as questões que norteiam os interesses e necessidades dos trabalhadores de cada unidade federativa, contribuindo para o debate nacional.

O documento foi construído pela CTB e contou com a contribuição dos debates estaduais. “É deste debate coletivo que se cria a estratégia que irá orientar as ações da Central até o próximo Congresso”, diz o secretário geral da CTB, Wagner Gomes.

Portal CTB

Anúncios

One response to ““O 2º Conselho da CTB ganha uma importância maior neste momento”, afirma Wagner Gomes”

  1. paulobretas says :

    Republicou isso em A Estrada Vai Além Do Que Se Vê.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: