POSTALIS: Criada CPI para investigar Fundos de Pensão Complementares

CPI-postalis No dia 7 de maio, foi criada no Senado a CPI dos Fundos de Pensão, com o objetivo de investigar irregularidades e prejuízos na administração de recursos financeiros em entidades fechadas de Previdência Complementar, nas sociedades de Economia Mista e Empresas controladas direta ou indiretamente pela União, ocorridos a partir de 2013.

As investigações deverão voltar-se a Fundos de Pensão de Estatais, como Petros (Petrobrás), Postalis (Correios) e Previ(Banco Brasil).

O pedido de criação foi lido na quarta-feira em plenário pelo Presidente do Senado, Renan Calheiros, que enviou ofício às lideranças partidárias, pedindo que indiquem os nomes que integrarão a CPI, em 5 dias úteis. O Pedido de abertura da CPI foi assinado por 27 senadores.

Louvamos e apoiamos essa atitude, até porque estamos atuando tanto no plano político (Câmara e Senado), quanto no judicial e administrativo, neste caso, com pedido de intervenção junto à PREVIC.

Esperamos que esta CPI vá fundo nos problemas nos Fundos de Pensão Complementares, em especial, para nós, do Postalis. Aguardamos, também, que de alguma maneira, as pessoas que deram causa a esses problemas financeiros que atingem os fundos de pensão, inclusive o nosso, sejam responsabilizadas por seus atos e atitudes, não só os gestores dos Fundos, como também aqueles que os indicaram.

Fonte: Findect

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: