Mandei minha cartinha para Papai Noel

Eu já fiz minha cartinha para Papai Noel. Eu escrevi assim para o bom velhinho:

– Papai Noel, ninguém aguenta mais tantos descalabros em Natal. O ano foi marcado por buracos em quase todos os pontos da cidade. A população reclamou de todas as formas. Até o João Buracão surgiu na área, mas foi preso pelos fiscais da prefeitura. Natal virou um verdadeiro queijo suíço; Papai Noel, faltou merenda nas escolas. Deu no Fantástico, da Rede Globo. Os alunos da rede municipal de ensino foram mandados para casa no meio da manhã porque não havia comida. Se eles tinham de passar fome, melhor que fosse em casa pensou a prefeita que gosta de ser chamada de borboleta; A saúde continuou um desastre. A tão badalada UPA de Cidade da Esperança, que saiu até na propaganda da TV, até hoje não foi entregue à população. As obras de ambulatórios médicos ficaram inconclusas. Faltaram médicos e medicamentos. Um horror! Papai Noel, o lixão de Cidade Nova voltou. A coleta de lixo em Natal está deficiente. Tem dia que o caminhão do lixo passa. Outros dias, não. Em alguns locais da cidade, o lixo fica acumulado nos canteiros. Nossa cidade anda suja! Papai Noel, a Secretaria Municipal de Saúde fica localizada num prédio que já abrigou um hotel numa das maiores ladeiras da cidade. A acessibilidade para doentes e pessoas portadoras de alguma deficiência física é zero. É de dar dó! Papai Noel, a muié não paga a ninguém. Faltam luz, telefone e materiais de higiene e limpeza nas secretarias. Os carros da Guarda Municipal foram recolhidos pela locadora por falta de pagamento. Papai Noel, a gestão em Natal está sob suspeita de irregularidades em diversos contratos de alugueis. Isso sem falar na falta de pagamento em muitos deles. Pairam dúvidas também em contratos da saúde e na área de esportes, onde um árbitro de futebol foi importado para cuidar dos eventos da Copa do Mundo. O sujeito boçal só vive no mundo, viajando, viajando, parece o senhor voando com as renas para lá e para cá, e ainda assina contratos suspeitos à revelia de conselhos da própria administração. O de Peito Aberto foi cancelado pela prefeita que se chama borboleta. Papai Noel, quando o assunto é Copa em Natal, a cidade fica entregue às baratas. As tão sonhadas e propagadas obras de mobilidade urbana estão emperradas na Caixa Econômica Federal. Os entraves são técnicos e jurídicos, já que a Prefeitura está enrolada com a prestação de contas aos órgãos federais. Pelo visto, não vai sair nada. Ou se sair, será pouca coisa. Legado da Copa que é bom, nada. Papai Noel, teve secretário da prefeita que comprou Land Rover. Exibido. Mas a galera começou a falar muito e o sujeito trocou de carro. Anda agora num Vitara. Indagado por alguns colegas, saiu-se com essa: – O outro carro (Land Rover) estava me dando muito trabalho. Que cara escroto, Papai Noel! Antes da atual administração, o novo rico andava numa lata velha. Papai Noel, a prefeitura aumentou o IPTU, quer cobrar valores retroativos, mas perdoou a dívida de empresas de ensino superior privado. O assunto ainda rola nos tribunais, mas o perdão já soma mais de 100 milhões de reais. Papai Noel, sobrou até para o Natal em Natal. Não teve dinheiro para o tradicional Auto de Natal, espetáculo que reunia centenas de artistas locais, mas não faltou grana para comprar lâmpadas em Portugal. Pois é. Compraram as lâmpadas em Lisboa. Só tinha lá, justificaram. Gastaram quase 4 milhões de reais numa iluminação que chegou atrasada e que não enche os olhos de ninguém. A tão prometida magia deve ser o sumiço do dinheiro aqui e o aparecimento em terras lusitanas. Natal em Natal, que nada! Natal bom deve ser em Lisboa, meu bom velhinho. Pois bem, Papai Noel. Chegou a hora do pedido. Eu juro que fui um menino comportado este ano. Fiz minhas lições em casa. Obedeci a papai e a mamãe. Fiz tudo direitinho. Na noite de Natal me dê de presente um bocado de paciência para suportar mais um ano desta administração desaprovada por mais de 90% da população. Eu não quero binquedo, não quero computador, não quero bola de futebol, iPod, TV, nada. Eu só quero paciência. Me dê muita paciência, meu bom velhinho. Que o tempo passe rápido. E que o povo em Natal tenha juízo e não caia numa nova esparrela nas eleições de 2012. Armadilhas não faltam, hein! É preciso escapar delas. Feliz Natal, Papai Noel!

Assinado: Diógenes Dantas.

Fonte: portal Nominuto

Anúncios

Tags:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: